Cultural Care Au Pair

Minha maior motivação para me tornar uma au pair nos EUA foi a possibilidade de passar um ano inteiro totalmente imersa em outro estilo de vida, em uma nova cultura. Mal podia esperar para explorar um país desconhecido, experimentar comidas diferentes, aprender um novo idioma, fazer amizades e descobrir o verdadeiro significado de se viver na América. Foi incrível poder trabalhar com crianças e o tempo que passei junto à elas foi muito divertido. Mesmo sendo uma grande responsabilidade, se você ama o que faz, ficará feliz em cumprir com todas as tarefas diárias que envolvem o cuidado de crianças.

Antes de iniciar meu programa, já tinha lido bastante a respeito de experiências com outras au pairs e tinha certeza de que era algo que realmente queria fazer por mim. Estava à procura de um lugar que eu pudesse chamar de minha segunda casa, com uma família que me considerasse como parte dela. E além de uma experiência inesquecível, eu ainda teria a oportunidade de melhorar meu inglês!

Minha vida mudou completamente depois que eu fui au pair. Descobri muitas competências que não seria capaz de descobrir se não tivesse saído da minha zona de conforto. Foi libertador saber que sou muito mais paciente do que pensei que fosse, mais persistente e mais confiante. E só tive consciência do meu potencial após lidar sozinha com diversas situações, sendo 100% responsável por minhas decisões.

Assim que voltei para a Argentina, consegui um emprego em período integral e pela primeira vez, fui capaz de morar sozinha e viver por conta própria. A experiência como au pair me deu o gosto de independência, de confiança e de liberdade.